AMO ALERTA SOBRE A PREVENÇÃO DO CÂNCER DE PELE DURANTE CAMPANHA NACIONAL DO DEZEMBRO LARANJA

21/12/2017

 

"O verão começa hoje em todo o Brasil e os cuidados com a pele precisam ser redobrados na estação mais quente"

A Associação dos Amigos da Oncologia – AMO abraça a campanha nacional “Dezembro Laranja”, de conscientização e prevenção do câncer de pele para alertar a população sobre os principais sinais e sintomas da doença, bem como os fatores de risco para o seu surgimento, com o objetivo de prevenir o câncer e promover o diagnóstico precoce.

Com a chegada do verão - estação mais quente do ano - nesta quinta-feira, dia 21 de dezembro, a incidência da radiação solar sobre a pele humana aumenta e pode vir a desenvolver câncer de pele. Por isso, a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) apresenta pelo quarto ano consecutivo a campanha "Dezembro Laranja" e recomenda a todos o uso de chapéus, de óculos escuros, de filtros solares, bastante hidratação e muito cuidado com a exposição ao sol das 10h às 16h.

SINAIS E SINTOMAS

Apenas um exame clínico realizado por um dermatologista ou oncologista ou com uma biópsia pode-se diagnosticar o câncer de pele. Em geral, o câncer de pele pode se assemelhar a pintas, eczemas ou a lesões benignas.

Os principais sintomas são: lesão na pele de aparência elevada e brilhante, translúcida, avermelhada, castanha, rósea ou multicolorida, com crosta central e que sangra facilmente;mancha ou ferida que não cicatriza e que continua a crescer apresentando coceira, crostas, erosões e sangramento; dentre outros.

ESTIMATIVAS
De acordo com o Instituto Nacional do Câncer - Inca, o câncer de pele é o de maior prevalência entre os brasileiros, incluindo os casos de câncer melanoma e não-melanoma. Só para o ano de 2017, mais de 176 mil novos casos são estimados no Brasil, com estimativas consolidadas de exatamente de mais de 80 mil novos casos de câncer não-melanoma em homens e acima de 95 mil casos novos em mulheres.

O Registro de Câncer de Base Populacional do Inca estimou uma incidência ajustada para o ano de 2018, em Sergipe, 140 casos de câncer melanoma para cada 100 mil habitantes, sendo 70 casos em homens e 70 em mulheres. Já os casos de câncer de pele não-melanoma, 1.690 foram estimados em homens e 2.600 em mulheres.

Na maior regional de saúde do estado, a capital Aracaju, a incidência do câncer de pele é também correspondente com 20 casos totais, sendo dez em homens e outros dez em mulheres. Já os tipos de câncer de pele não-melanoma, 710 são estimados até o final do próximo ano em homens e 690 em mulheres.

SOBRE A AMO
A Associação é uma organização social sem fins lucrativos, que cuida de pessoas carentes com câncer há 21 anos, com serviços assistenciais e de saúde. Possui, atualmente, cerca de 2.300 assistidos em cadastro ativo entre crianças, adolescentes, adultos e idosos de ambos os sexos. Nesse total, há muitos casos de mulheres e homens com câncer de pele melanoma em estágios inicial e/ou avançado.

DEZEMBRO LARANJA 
A campanha Dezembro Laranja surgiu no ano 2014 por iniciativa da Sociedade Brasileira de Dermatologia. Ações de conscientização e de prevenção colorem o país de laranja para alertar a população sobre o câncer de pele.

Em diversos estados, a campanha se intensifica com a distribuição de folhetos informativos, laços de cor laranja e filtros solares. Monumentos turísticos e históricos também são iluminados com a cor da campanha, a exemplo do Bondinho do Pão de Açúcar e o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, o Museu de Arte Contemporânea, em Niterói, e o Congresso Nacional, em Brasília.